Os 5 Melhores Métodos para Viajar com Crianças

Para todos os casais, a decisão de ter filhos é muito importante. Quando o casal adora viajar, certas mudanças devem ser feitas para ajustar a rotina ao novo membro da família. Diferente do que muitos pensam, é possível sim tirar férias com bebês e crianças pequenas.

Já imaginou suas próximas férias com um bebê? Ou com uma criança pequena? Os horários do voo, o destino, os passeios e pontos turísticos a serem visitados… enfim, tudo. Existem aspectos nos quais os pais de primeira viagem aérea devem ficar atentos durante as férias e aqui vamos te dizer os 5 melhores métodos de viajar com crianças e evitar dores de cabeça!

Antes de tudo, consulte seu pediatra

É de extrema importância que qualquer modificação na rotina do bebê seja previamente autorizada pelo pediatra. Para novos pais e que amam viajar essa dúvida é bastante comum: quando posso começar a viajar com meu pequeno mundo afora?

Não existe uma idade mínima para crianças serem autorizadas a viajar e, até os dois anos, elas não pagam passagem. Em geral, os pediatras recomendam esperar até que o bebê complete 3 meses de idade, mas isso pode variar. Você como principal responsável deve observar e avaliar as particularidades do seu filho, cada criança pode apresentar respostas diferentes ao ambiente.

Siga os horário das refeições

Durante as férias os dias ficam totalmente sem rotina; tudo é muito livre e o que você mais quer é aproveitar cada minuto, não é mesmo? Mas quando se tem filhos ou crianças pequenas no passeio recomendamos que você determine o tempo das refeições diariamente.

Esse tipo de atitude é importante para ajudar a manter o bom astral do grupo e da viagem como um todo. Crianças – como todo mundo sabe – têm baixa tolerância à fome e costumam ficar de mau humor se não estão de barriga cheia. Por isso, faça das refeições um passeio. Pesquise antes lugares que você gostaria de ir e inclua no roteiro!

Seja econômico nas bagagens

Normalmente, somente no dia a dia, quem tem filhos pequenos costuma carregar um monte de coisas pra lá e pra cá. Imagine só carregar tudo isso em viagens. Por isso, tente ao máximo economizar nas malas de roupa e outras coisas mais superficiais.

É sempre mais vantajoso comprar no destino itens básicos de higiene e planejar antes qual roupa irá usar em cada dia. Dessa forma, sobra mais espaço – e mãos livres – para carregar tudo o que é indispensável para seus filhos.

A viagem deve ser agradável para todos

Não se esqueça: a viagem é para descansar e se divertir! Muitas pessoas acreditam que, por estarem viajando com crianças, são obrigadas a fazerem somente passeios e programações infantis. Não aconselhamos que você adote essa postura. É importante que cada um tenha seu momento durante a viagem: tanto os adultos quanto as crianças.

As crianças normalmente pedem para brincar em parques e adoram atrações lúdicas e próprias para a idade. Sabemos que esse tipo de atividade o tempo todo cansa, então, sugerimos que você misture atividades que irão agradar às crianças e aos pais no roteiro. Isso é bom pois seus filhos irão aprender a respeitar e conhecer outros tipos de programação, como ir a museus ou fazer compras.

De olho na documentação necessária

A proteção para viajar com bebês e crianças deve ser redobrada. Para voos nacionais, somente será necessário apresentar documento de identidade ou certidão de nascimento original – isso se a criança estiver acompanhada do responsável legal.

Para voos internacionais dentro da América do Sul, o RG original com foto recente já basta. Se o seu destino for para qualquer outro país, a apresentação de passaporte com foto atualizada é indispensável. Além disso, os pais devem sempre checar se é necessária a apresentação de visto para o local de destino.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *